Eu vim para Servir! Como servir no meu ministério?

Eu vim para Servir! Como servir no meu ministério?

Relacionam-se “servir” a uma posição de inferioridade destinada aos que não tem condições de terem independência. Servir não tem nada a ver com uma posição de inferioridade, mas deve ser entendida como uma tarefa que recebemos do próprio Cristo.

Bem como o Filho do homem não veio para ser servido, mas para servir, e para dar a sua vida em resgate de muitos. Mt 20:28

Em  Marcos 10.45ss, entendemos que servir é tudo o que podemos fazer pelo próximo para aproximá-lo de Deus.

Vemos hoje uma situação gravíssima, porque o número de homens que necessitam encontrar Jesus, que estão se perdendo, que estão sofrendo, é elevado demais, no entanto o número de servos comprometidos, que não medem esforços, tempo, trabalho, amor é muito insignificante. É preciso suplicar ao Pai , como fez Jesus, que envie operários para a sua messe, mas também precisamos abrir nossos ouvidos para escutarmos a voz de Deus que chama milhares de filhos seus a doarem as suas vidas e a serem testemunhas do Amor, para que assim, o mundo encontre a verdadeira paz.

Por isso, servir é um trabalho para à comunidade cristã, uma maneira de exercitar o apostolado. Cada batizado é chamado a crescer, amadurecer continuamente, dar cada vez mais fruto na descoberta cada vez maior de sua vocação, para vivê-la no cumprimento da própria missão e dos propósitos do que Deus deseja.

“Os ministérios são diversos, mas um só é o Senhor” I Cor 12,5. Ou seja, todos eles estão em submissão a Jesus Cristo e dentro de um contexto de comunhão eclesial (cf. Ef 4,11-16).

As equipes ou ministérios nascem de acordo com a necessidade da Igreja. Para isso, Deus mesmo, escolhe, chama e capacita, as pessoas para bem exerce-los. Por isso devemos corresponder ao máximo, com zelo, disponibilidade,cuidado, amor e boa vontade ao ministério ao qual fomos chamados.

Débora Gonçalves

Débora Gonçalves

Membro da Comunidade Católica Amor Fraterno

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *